terça-feira, 8 de setembro de 2009

Vida

(Já cá não escrevo há algum tempo...vou tentar recuperar sim? (; )

(Post escrito a buee mas nunca publiquei, como podem ver na data da publicação do post :P )

Árvores

Somos todos como árvores. Vivemos, morremos e todos compômos um grande grupo que colectivamente podemos chamar de floresta servindo apenas para encurtar toda a magia que se passa individualmente por cada ser que a compõe.

Mas mais importante...somos todos diferentes.

Para o bem e para o mal.

E falando além de todos aqueles aspectos superficiais que nos diferenciam e identificam, existe aquele que permanece constantemente sub-entendido.

São todos aqueles momentos vividos, aquelas brisas, sensações, olhares e palavras que nos sobressai da multidão.

Pois é a vida que abraçamos que nos faz quebrar as regras e dizer: "eu nao sou como tu!"

E é mais que prazer, o dever de nao nos deixar seguir o mar já navegado.

Não te deixes colectivizar.

Sobressai-te.

***
Estrelas

Somos ambiciosos por natureza.

Mesmo quando uma estrela já brilha, desejamos logo uma constelação.

Acabamos por ter todo um céu estrelado.

E como a simples felicidade de olhar de cima nunca pára, decidimos apontar para o céu e dizer: "quero que aquela estrela, a mais brilhante, seja minha!"

"Brilha brilha minha estrelinha"

Mas depois quando somos ofuscados por uma luz que não a nossa, e nos atrai mais que esta, percebemos então que não apontámos bem...

E daí apercebemo-nos que a escolha correcta é meramente utópica.

Basicamente, vivemos a vida à volta de escohas.

Mas nem todas são conscientes...

Algumas são sentidas num sítio onde pensar já é demais.

Vivemos, tomando caminhos seguidos apenas pela voz inconsciente e moldável do sentimento.

Voz essa que já não é vivida, muito menos sentida. Voz que foi partida, moldada e reformada.

Frágil como é, basta uma palavra para a fracturar...

***

Saudades

Tanto tempo que passou..

Já não me lembro da tua cara, do teu sorriso, da tua dança.

Os quilómetros continuam a aumentar assim como a minha ansiedade em estar contigo.

Nunca me esquecerei do momento em que levaste contigo aquela tua fotografia da minha parede.

A chuva que escorria da janela do noss..do meu quarto inundava a minha alma.

Não sei o que fazer da vida..

Não sei que caminhos percorrer..

Foste.te embora. Para o bem e para o mal. Foste.

Há que não desistir?

Claro.

Mas é mais difícil..

Já não sei definir sentimento.

Já não sei definir amor.

Já nem sei o que significa viver.

Nada dura para sempre.

Excepto as minhas saudades por ti.

***
Buracos

E assim se compõe uma história. Porque para nos divertirmos basta transcrever o ódio e ver a quem pega.

Porque já não importa para onde vai a pedra, mas com que força bate.

Mesmo assim, com amizades quebradas, sonhos esquecidos, cordas soltas, mãos afastadas e luzes por acinder acabamos sempre por arranjar um pequeno buraco, por onde nos esgueiramos e fugimos ao ódio de cada dia.

E acabamos por contar as árvores da floresta, os sentimentos e as estrelas do céu e contentamo-nos com o que temos.

Amizades que se acabaram por fortalecer, sonhos que se ergueram, cordas que se ataram, mãos dadas, luzes acendidas e músicas que que nos atravessam a mente são o pão de cada dia, e não precisamos de mais.

Por isso sabemos sempre que é apenas necessário não baixar a guarda e mantermo-nos firmes para o que aí vem, ou que já veio mas nunca esquecemos.

E no meio de isto tudo, ainda um espacinho para assuntos mais importantes como Ele.

Enfim..

É a vida..!

***

9.Nov.09

2 comentários:

Suzana Medeiros. disse...

"A escolha correcta é meramente utópica". Isso foi a coisa mais realista que li desde muito tempo.
Somos uma floresta sim. Estamos fincados no mesmo solo e usufruindo dos mesmos nutrientes.
Queremos a estrela mais brilhante não importa o quão a nossa esteja no ápice de seu esplendor. Estamos sempre insatisfeitos.
Mas em meio a tudo, tem que haver um espaço para Ele.

Suzana Medeiros. disse...

Você sempre me diz coisas sábias! Vou usar na minha vida. De hoje em diante vou viver de QUERER. Eu posso, eu mando. Assim sei que alcançarei meus sonhos...

;*